Prancheta 5 cópia 17.png
Prancheta 5 cópia 19.png
Prancheta 5 cópia 121.png
Prancheta 5 cópia 16.png

25 NOV a 5 DEZ 202110 a 20 FEV 2022

Prancheta 5 cópia 11.png
Prancheta 5 cópia 15.png
Prancheta 5 cópia 14.png
Prancheta 5 cópia 13.png
Prancheta 5 cópia 10.png

Tiradentes - MG

Cinema
Literatura
Artes Visuais
Música
Artes Cênicas

Transmissão ao vivo 

Programação

25 novembro 2021

Música

Concerto de abertura
Igreja São João Evangelista - Rua Padre Toledo, 242

Horário:
19h30
R$ 40 | R$ 20 (meia-entrada)

Músicos:
Cristian Budu e Gustavo Carvalho, piano

Wolfgang Amadeus Mozart
Sonata para piano a quatro mãos em Ré Maior
K. 381

Allegro / Andante / Allegro molto

Franz Schubert
Fantasia em fá menor D. 940

Johannes Brahms
Valsas op. 39

Franz Schubert
Divertimento all'ungherese D. 818

Hy-Brasil - 3.png

Artes Visuais



Brasil, Hy-Brasil
Eduardo Hargreaves 

Centro Cultural Yves Alves - Rua Direita, 168

Abertura da exposição: 17h30
Período expositivo:
25 de novembro a 30 de dezembro 2021

A exposição individual do jovem artista visual mineiro Eduardo Hargreaves reflete sobre as relações construídas entre o íntimo de um indivíduo e o lugar e paisagem que o norteiam: de que forma as consequências subjetivas decorrentes dos processos do colonialismo e do neocolonialismo interferem na construção do espaço e do lugar do próprio indivíduo, assim como de um povo, de uma nação? De que maneira a presença desses não-lugares provocados pela ação extrativista cerceiam nosso olhar, nossos pensamentos e a eles dão forma? As representações de paisagens passam a evidenciar, através da atividade plástica do desenho, um lugar de paisagens que se opõem às paisagens clássicas enquanto paisagens de desinteresse. Lugares que não buscam desvelar a beleza natural ou lidar com as associações de significado e reconhecimento entre as construções humanas e naturais – relevos, árvores e rios. São lugares que não oferecem um belo horizonte; nem um nascer ou um pôr-do-sol. Na paisagem contemporânea, que muitas vezes se torna um mero depositório de vidas e memórias camuflado sob uma não paisagem, Eduardo Hargreaves incita-nos a uma relação proxêmica, já que compartilhar um nome, uma linguagem, significa também compartilhar uma história e valores, estar conectados uns aos outros.Na exposição Brasil, Hy-Brasil, não há coincidência entre a localização de um território cujo mapa consultamos e a imagem mental que surge em nós à chamada de seu nome como sedimento depositado na nossa memória. Eduardo Hargreaves questiona incessantemente a condição do olhar, obrigando-nos a enxergar o que vemos, a construir uma imagem para então restituí-la. 

Residências Artísticas Sesc Artes Vertentes

portraitMM.jpg

Mari Mael

saiba +

CASTANHA, Marilda.jpg

Marilda Castanha

saiba +

20210112_113324.jpg

Nelson Cruz

saiba +

IMG_4115.JPG

Rick Rodrigues

saiba
+

UM FESTIVAL QUE ESTIMULA DIÁLOGOS

 

“Além da programação em si, o festival tem trabalhado ao longo do ano com crianças da região, fazendo do evento em si apenas o ponto mais visível de uma atividade ampla..."

saiba sobre o festival 

ACESSE A EDIÇÃO
DE 2020

EDIÇÕES
ANTERIORES

CAPA_SITE.gif

QUEM
SOMOS