top of page

CIRCUITO
GASTRONÔMICO

_______

Arreda Cozinha Contemporânea 

 

Prato: São José do Vale 

Purê de macaxeira com cupim confitado e glacê com toque de rapadura. Acompanha um "tiquim" de paçoca de carne do Vale do Jequitinhonha.

 

São José do Vale homenageia o Vale do Jequitinhonha com elementos como a mandioca, rapadura, cupim e a paçoca de carne, que representam a força de um povo em resgatar e deixar vivo toda a cultura alimentar, musical e artística tão rica na região. Através desse prato, o Arreda Cozinha Contemporânea reverencia os ingredientes simples de um sertão, transformando-os em iguarias. Tudo isso apresentado diante de um lugar abraçado e protegido pela imponente Serra de São José, símbolo de resistência.

 

Rua Flamboyant, 110 - Alto da Torre

@arredacozinha

Sexta e sábado, de 19h às 23h

_______

Gourmeco Ristorante 

 

Prato:

Ravioli com pasta de tomate recheado com abóbora e cenoura, batata, queijo Minas fresco e taioba, brodo de carne de panela, quiabo tostado, ora pro nobis fresco e flores do quintal

 

As paisagens imaginárias que atravessam nossas vidas são muitas, dentro e fora da gente. Neste prato, remetemos às infâncias, aos interiores, aos quintais de vó com terra no chão. 
 

Rua Padre Toledo, 346 - Centro Histórico

@gourmecoristorante

Domingo a terça, de 12h30 às 15h30 | Quarta a sábado, de 12h30 às 15h30 e de 19h30 às 22h30

_______

Marcas Mineiras Loja e Café

Pratos:

Bruschetta de Cogumelos com Queijo Minas

 

Uma homenagem aos sabores locais e à riqueza da terra de Minas Gerais, onde a arte e a cultura se entrelaçam. Os cogumelos frescos, colhidos nos arredores de Tiradentes, combinam-se harmoniosamente com queijo Minas, criando um equilíbrio perfeito entre tradição e novidade. A mordida crocante da bruschetta dá lugar a uma explosão de sabores, transportando você para um mundo de frescor e sofisticação, refletindo a riqueza artística do Festival Artes Vertentes.

 

Bolo de Limão Confeitado com Chocolate Branco

Uma sobremesa que encanta os sentidos, este bolo é uma sinfonia de sabores que captura a essência da temporada de limões de Tiradentes. A acidez cítrica do limão dança elegantemente com a suavidade do chocolate branco. Cada garfada é um convite para explorar as vertentes da arte e da culinária, provando o que há de mais inspirador em Tiradentes.

 

Rua Senhora das Mercês, 49 - Centro

@marcasmineiras_loja_cafe

Terça a sexta, de 10h às 18h | Sábado, de 10h às 19h | Domingo, de 10 às 18h

 

_______

Plano B

 

A cada garfada de nossa Lasanha Vegetariana de Lambari da Horta, você será transportado para uma paisagem imaginária, um lugar onde a harmonia entre o homem e a natureza se desenha perfeitamente. Nossa visão utópica ganha vida em cada prato, com ingredientes cuidadosamente selecionados de pequenos produtores locais, celebrando a riqueza da nossa terra.

 

Os lambaris colhidos frescos na nossa própria horta trazem a essência do campo para o seu paladar, enquanto a mussarela em bolinha derrete delicadamente sobre as camadas de folhas de lambari. O molho de tomate rústico da casa, preparado com amor e paixão, ressalta o sabor autêntico de ingredientes locais, criando uma sinfonia de sabores que refletem a simplicidade e a excelência da nossa região.

 

O pesto de manjericão adiciona uma explosão de frescor, elevando a experiência gastronômica a um patamar superior. E não poderia faltar a saladinha da casa, um toque de verde que completa essa paisagem com sua crocância e vitalidade.

 

Com cada pedaço desta lasanha, você estará explorando nossa visão de um mundo onde a sustentabilidade e o fortalecimento local são prioridades, onde a natureza e o homem coexistem em perfeita harmonia. Nossa "Paisagem Imaginária" é realidade em cada prato, e convidamos você a se juntar a nós nessa jornada de sabor e sustentabilidade.

_______

Veredas Fermentaria

 

Prato: Tosta Geraizeira
Fatia de pão de fermentação natural, pasta de pimentões vermelhos queimados e baru, carne seca de jaca, abóbora fermentada, emulsão de pequi e ovo perfeito.

 

De quantas paisagens compõe-se Minas? De quantos povos, culturas e culinárias? Aqui, num pedaço de pão, se encontram o sertão e o cerrado. Homenageamos um povo que vive no norte de Minas, exatamente onde a caatinga encontra o cerrado: os geraizeiros – população nativa dos Campos Gerais, descendentes de negros, indígenas e europeus, mulheres e homens que, às margens do São Francisco, souberam se adaptar com sabedoria às características do bioma e às suas possibilidades. O baru, a abóbora e o pequi. O feijão, a mandioca e o milho. Simplicidade e resistência: um povo que, ainda hoje, luta pelo direito ao território. Nossa Minas são muitas!

_______

O Pacco e Bacco, praticamente ao lado da Igreja do Rosário, oferece mais de 150 rótulos de vinho escolhidos para os clientes pelo proprietário e sommelier Francisco Rodriguez, em harmonia com os pratos primorosamente elaborados. O cardápio oferece um delicioso encontro da tradição francesa com ingredientes mineiros. Reservas: (32) 3355.1136 / 9 9920.1216

_______

O Angatu conduzido pelo chef Rodolfo Mayer, o Angatu ostenta uma estrela do Guia Quatro Rodas por sua culinária ímpar e de muita personalidade, que surpreende positivamente seus clientes. Está localizado na rua da Cadeia, 38, logo abaixo da entrada do Museu de SantAna. Reservas: (32) 9 9903.5734

_______

Localizado a menos de cem metros da Matriz de Santo Antônio, na charmosa cidade mineira de Tiradentes, o restaurante Atrás da Matriz oferece desde 2001 um ambiente aconchegante e um cardápio nada  convencional.  Servindo desde bacalhau norueguês até pizza na lenha, passando por filés, massas e caldos. Reservas: (32) 3355.2150 e (32) 99111.2150

_______

UaiThai

O chef Ricardo Martins apresenta uma cozinha única e autoral, ao misturar elementos frescos e leves da culinária tailandesa com o carinho da tradicional comida mineira. Sabores marcantes que proporcionam uma experiência gastronômica inesquecível. Reservas: (32) 99927-9903

_______

Seu Bartho Pizzaria

Pizza Paulista nas gerais. Nossas pizzas são artesanais e assadas em forno a lenha, com massa fina e crocante

_______
Tapioca Maria Bonita

Servimos petiscos, almoço e jantar! Tapiocas, Baião de Dois, saladas, massas e muito mais. Usamos ingredientes caseiros!

 
Pousadas

POUSADAS

 

Tiradentes tem uma boa infraestrutura de hotéis e pousadas. Algumas fazem parte do roteiro de charme. Todas oferecem café da manhã e algumas um chá à tarde. Pão de queijo e bolos variados, além de outros quitutes mineiros, são sempre apreciados pelos hóspedes.

Aqui, indicamos alguns estabelecimentos. A lista completa de hotéis e pousadas em Tiradentes pode ser encontrada facilmente em sites de viagens.

Solar da Ponte

Largo das Mercês s/n – Centro
(32) 3355 1255

 

Pousada Dom Quixote

Rua Francisco Pereira Morais, 69

(32) 3355 1933

Pousada do Ó

Rua do Chafariz, 25 - Centro

(32) 3355 1699

Pousada Boutique Oratório

Rua Herculano José dos Santos, 97 – Alto da Torre
(32) 99987 2232

Pousada Travessias

Rua João Batista Ramalho, 53 – Santíssima
(32) 98454 6150

Pousada Bem Viver 

Rua da Caixa D'água, 757 - Estação

(32) 99107 0496

Pouso da Torre

Rua herculano José dos Santos 337
(32) 98801 1531

Pousada Marília de Dirceu

Rua Agostinho José Cabral, 195 – Parque das Abelhas
(32) 3355 1962

Pousada João Mineiro

Estrada da caixa d'água Km 1 

(32) 98886 0448

 

Pousada D’óleo de Guignard 

Rua Santa Catarina, 511 – Pau de Óleo
(32) 3355 2027

Pousada Aconchego de Minas

Rua Frei Veloso, 799
(35) 98807 9170

Pouso Alforria

Rua Custódio Gomes, 286
(32) 3355 1536

Hotel Pousada Mãe D´agua

Largo das Forras, 50 - Centro

(32) 3355 1206

Pouso do Carteiro

Rua Maria Eugênia Barbosa, 12a 

(32) 99835 8258

Pousada Rancho da Serra

Rua Alvarenga Peixoto, 355 – Cuiabá 
(32) 3355 1348

Villa d´Ouro

Av. Governador Israel Pinheiro, 555 – Centro
(32) 3355 1884

Pousada Neuza Barbosa

Rua Alvarenga Peixoto, 69 - Bairro Cuiabá 

(32) 3355-1374 / 3355-1356

Amana Tiradentes Pousada

Rua Maria Eugênia Barbosa, 47 - Cascalho

(32) 99829-1717

Casa Amarela
(32) 99808 0822

Casinhas da Matriz

Rua Santíssima Trindade, 20

(21) 8743 2509

Pousada Amaryllis

R. Frederico Ozanan, 358, Centro

(32) 3355-1393

Pousada Encanto da Serra

Travessa dos Inconfidentes, 35

(32) 3355-1592

Casa de Violeta Pousada

Praça das Mercês, 100

(32) 3355-1722

Chalés de São José
Rua Fernão Dias Paes, 395 – Parque dos Bandeirantes

(32) 99197-0136

Byju Lar

Rua São José del Rei, 59
(32) 9833-1974

Vila Santíssima

Rua Santíssima Trindade, 660

(31) 98950-4555

Arraial Velho - Pousada Temática

Rua José Batista Carvalho, 10 - Parque das Abelhas

(32) 3355-1362

Como chegar

COMO CHEGAR

Clique no mapa acima para navegar

Localizada na região mineira do Campo das Vertentes, Tiradentes tem facilidade de acesso. Principais distâncias: Belo Horizonte (210 km), São João del Rei (14 km), São Paulo (485 km), Rio de Janeiro (335 km) e Brasília (915 km).

De carro

A partir de Belo Horizonte, a estrada mais comum para chegar a Tiradentes é a BR-040. Seguindo 85 quilômetros, pegue a BR-383, após o trevo de Congonhas. Depois, basta seguir pela BR-383 por mais 105 km até Tiradentes. Esse trajeto tem o total de 190 km e tempo médio de três horas de duração. 

A partir do Rio de Janeiro, a opção mais rápida é seguir por pela BR-040 e depois pela BR-265. O trajeto, de 340 km, tem duração de 4h30. 

A partir de São Paulo, há duas opções de trajeto. A primeira, e mais rápida, é pela BR-381, seguida da BR-265; e a segunda pela BR-116 e depois BR-383. O trajeto, de 490 km, tem duração de 6h30.

De ônibus

A Rodoviária de Tiradentes recebe apenas ônibus vindos de São João del Rei. Seja qual for o seu ponto de partida para Tiradentes, a passagem deverá ser comprada para São João del Rei. A cidade está localizada a 14 km de Tiradentes. Em São João del Rei, será necessário pegar outro ônibus até Tiradentes para finalizar o trajeto. 

A partir de Belo Horizonte, a viagem tem tempo médio de duração entre 3h30 e 4h30 e é operada pela Viação Sandra

A partir do Rio de Janeiro, o trajeto tem duração de 5h30 e é realizado pela Paraibuna Transportes.

A partir de São Paulo, o trajeto dura entre 7h e 8h30 e é operado pela Util

A partir de São João del Rei, basta pegar um ônibus convencional, MoveSJ ou um táxi até Tiradentes.

História

HISTORY, CULTURE AND CHARM OF TIRADENTES

Wherever you are in Tiradentes, you will see the magnificent Serra São José. This geographical backdrop provides just one of the many sensations the visitor experiences in this historic city with few streets and around 7000 inhabitants.

Tiradentes exhibits an admirable and well preserved 18th century architecture, represented not only in the Baroque churches but also in the houses of the historic center. In 1938 they were designated of national heritage status to protect them from insensitive developments. 


Walking through the streets one recognizes at each corner, the colonial style and the undulations of the Rococo Mineiro. Museums, artists' studios and an intense annual cultural life complement the city's cultural circuit.


In September yellow ipê  trees color the landscape, the climate being mild with colder mornings and nights. Restaurants and bars offer visitors the popular cuisine of Minas Gerais; shops display colorful local crafts; antique shops allow you to appreciate how the city's houses may have been decorated and furnished in the 18th and 19th centuries.


Add to all of this, people who are proud of their history and traditions and make a point of giving visitors a generous welcome.

HISTORY

Populated since 1702 the city of Tiradentes in the central region of Minas Gerais pays homage to Joaquim José da Silva Xavier known by the nickname Tiradentes. The ensign was born locally at the Fazenda do Pombal and became the leader of the Inconfidência Mineira, the main movement to challenge the Portuguese Crown in the 18th century.

 

The Matriz de Santo Antônio and the São José fountain, are examples of the well-preserved colonial heritage. The facade of the Matriz was designed by the famous Brazilian architect and sculptor Antônio Francisco Lisboa, know as Aleijadinho, the cripple. Tiradentes began its history in 1702,  after the discovery of gold in a place called Ponta do Morro, when the first pioneers led by João Siqueira Afonso settled in the region. They arrived in the wake of the miners who, at the end of the 17th century founded Ouro Preto.


The large flow of gold diggers motivated by the new deposits led the place to become a village in Ponta do Morro de Santo Antônio. The importance of the village was so great that  in 1718 it would become the village of São José. The 18th century churches, chapels and surrounding houses were errected well above the floodplain of the nearby river.

On September 7, 1889, the village became the city of São José, and on December 6 it adopted its current name Tiradentes in honor of the martyr of the Inconfidência Mineira. He is celebrated with a national day on April 21. The city's day is on January 19, the date when the Ponta do Morro de Santo Antônio encampment became a village.

Three decades ago, the city's architectural heritage started to attract tourists from Brazil and other countries, establishing a tourist activity that is currently the economic base of Tiradentes.

bottom of page