Eng Por
Nelson Leirner
Nelson Leirner nasceu em São Paulo em 1932. Em 1966, funda o Grupo Rex, com Wesley Duke Lee, Geraldo de Barros, Carlos Fajardo, José Resende e Frederico Nasser. Em 1967, realiza a Exposição-Não-Exposição, happening de encerramento das atividades do grupo, em que oferece obras de sua autoria gratuitamente ao público. No mesmo ano, envia ao 4º Salão de Arte Moderna de Brasília um porco empalhado e questiona publicamente, pelo Jornal da Tarde, os critérios que levam o júri a aceitar a obra. Por motivos políticos, fecha sua sala especial na 10ª Bienal Internacional de São Paulo de 1969, e recusa convite para outra, em 1971. Em 1974, expõe a série A Rebelião dos Animais, com trabalhos que criticam duramente o regime militar. Em 1975 a APCA encomenda-lhe um trabalho para entregar aos premiados, mas a Associação recusa-o por ser feito em xerox, por isso, como protesto, os artistas não comparecem ao evento. De 1977 a 1997, leciona na Fundação Armando Álvares Penteado (Faap), em São Paulo. Muda-se para o Rio de Janeiro em 1997, e coordena o curso básico da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, até o ano seguinte. Em 1999, representa o Brasil na Bienal de Veneza. Vive e trabalha no Rio de Janeiro.


sobre edições anteriores parceiros ação educativa ficha técnica
dia área ciclo de ideias e educativo
Pernambuco São Paulo
assessoria na mídia
fotos vídeos